O que é golpe de aríete e quais são as causas?

O que é Golpe de Aríete?

O Golpe de Aríete é um fenômeno hidráulico onde o fluído literalmente dá “marteladas” no interior da tubulação, se chocando contra tubos, válvulas e conexões.

Numa tradução literal, Aríete significa carneiro e pode ter também como entrada a tradução “vaivém”.

O nome Aríete vem de um dispositivo ou arma de guerra utilizada nas Idades Média e Antiga. O Aríete era composto por um grande tronco de árvore com uma das extremidades revestida por peça metálica, geralmente de bronze, muitas vezes no formato de uma cabeça de um carneiro.

Essa arma era utilizada pelos soldados que, sincronizados em grupo, chocavam a extremidade metálica desse tronco contra portões repetidas vezes, até que a estrutura viesse a romper.

Como ocorre o Golpe de Aríete?

Geralmente, pelo efeito da obstrução do fluido com o fechamento de alguma válvula de forma abrupta, por quedas de energia onde sistemas são desligados e posteriormente religados ou ainda, pelo acumulo de ar dentro do fluido causando bolsões compressíveis.

Quando uma válvula é fechada de forma abrupta, geralmente válvulas de esfera, borboleta ou retenção, a energia de velocidade é transformada em pressão.

O fluído obstruído pela válvula tende a retornar no sentido contrário ao de escoamento, chocando se com o fluido que ainda tentar escoar no seu sentido natural, pela inércia, isso cria ondas de choque ao longo da tubulação que vão diminuindo com a acomodação do fluido e estabilização da pressão.

Quando ocorrem quedas de energia e retomadas seguintes, ou nas partidas de bombas, a alta velocidade inicial do fluido pode causar batidas nos pontos de bloqueio, em estrangulamento ou ainda em mudanças de direções. Essas paradas programadas ou não, geralmente encontram bolsões de ar que agravam a onda de choque, onde o ar pode ser comprimido causado excessos de pressão e verdadeiros bólidos dentro de tubulações.

O que o Golpe de Aríete causa?

Quanto maior a velocidade de escoamento do fluído, tão maior pode ser o Golpe de Aríete. Em prédios muito altos ou tubulações muito extensas a ocorrência é de maior impacto.

O Golpe de Aríete pode provocar o rompimento imediato de válvulas, tubos, uniões e conexões de uma tubulação.

Ao longo do tempo, os ciclos de batidas do Golpe de Aríete fragilizam as tubulações e seus componentes, causando manutenções recorrentes além de danificar bombas e motores.

Outro efeito muito incômodo é o barulho causado pelas “marteladas” na tubulação, em alguns casos chegando a ser até insuportáveis.

Golpe de Ariete
Exemplo de válvula rompida por um Golpe de Aríete
Áudio
Exemplo de barulho causado por um Golpe de Aríete

O que pode ser feito para evitar o surgimento do Golpe de Aríete?

Algumas ações podem ser tomadas para evitar esse fenômeno hidráulico, utilização de válvulas redutoras de pressão, acionamento lento das válvulas de bloqueio ou ainda aplicação de sistemas de controle na partida das bombas de forma a elevar sua potência de forma gradativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *